António Felino

É uma honra para mim prestar este testemunho de apoio e afeto a um ilustre médico dentista que conheço há longos anos, desde os bancos da Faculdade.

Já nessa altura demonstrou ser um estudante exemplar, sob o ponto de vista académico, social e sob o ponto de vista afetivo para com os professores, funcionários, colegas e doentes.

O gosto e empenho de contribuir com ideias e projetos para a sociedade, no sentido de ajudar as populações mais desfavorecidas, iniciou estratégias revestidas de enorme visibilidade e que o levaram a ser um Bastonário com uma visão política abrangente.
O desempenho deste Bastonário permitiu um notável desenvolvimento socioprofissional, disponibilizando o acesso ao conhecimento, através da Formação Contínua gratuita e do Congresso Anual da Ordem dos Médicos Dentistas. 

Ajudou as instituições de ensino superior a protagonizar reformas de adequação às diretrizes europeias, nomeadamente ao Processo de Bolonha, o que contribuiu para a evolução considerável da Medicina Dentária. 

A sua postura e atitude ao longo destes anos de mandato permitiram à Ordem dos Médicos Dentistas projetar uma imagem forte, positiva e ativa, quer na sociedade civil quer nos órgãos institucionais. 

O Orlando Monteiro da Silva partilha o seu sucesso e reparte protagonismo com a sua equipa. Foi neste espírito de partilha, de capacidade de liderança e de realização e na continuidade da sua obra que foi eleito para o cargo de Presidente da FDI (Federação Dentária Internacional), em 2011.

Desde 2011 ocupa o dignificante cargo de Presidente do Conselho Nacional das Ordens Profissionais. É notável que o Bastonário de uma Ordem Profissional tão jovem como a Ordem dos Médicos Dentistas seja eleito e reconhecido pelos seus pares Bastonários, entre as 16 Ordens Profissionais, de onde fazem parte Ordens tão antigas e com tantas tradições, como por exemplo a Ordem dos Médicos, a Ordem dos Advogados ou a Ordem dos Engenheiros.

De salientar o reconhecimento da sociedade civil e meio académico ao atribuir-lhe o Doutoramento Honoris Causa da Universidade do Porto.

Na longa e vasta obra do Dr. Orlando Monteiro da Silva como Médico Dentista e como Bastonário, muito mais haveria a referir. 

Mas como expressão máxima e como síntese da sua capacidade criadora, dos seus altos méritos, do seu saber e da sua inteligência, e até das suas qualidades naturais de comunicabilidade, de confiança nos homens e de devoção ao bem comum, de simplicidade e de autenticidade perante a vida, é na Medicina Dentária que ficará para sempre o seu “retrato a corpo inteiro”.

Médico dentista, cédula profissional nº 23.